Necessidade de investimento em infraestrutura é destacado na abertura da CONSTRUCTION EXPO 2013

Abertura da Construction Expo 2013: urgência em novas infraestruturas para o país. – fonte: www.constructionexpo.com.br

O Brasil precisa, urgentemente, trocar o vetor do consumo pelo dos investimentos públicos e privados, com ênfase nas áreas de infraestrutura para crescer e gerar empregos. Com esse recado, foi aberta nesta quarta-feira, a Construction Expo 2013 – 2ª Feira Internacional de Edificações e Obras de Infraestrutura, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. “Há um consenso na sociedade que a elevação do volume de investimentos em infraestrutura, tanto públicos como privados, é o principal instrumento para os ganhos de competitividade que tanto necessitamos para acelerar o crescimento do PIB”, afirmou Afonso Mamede, presidente da Sobratema – Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração, organizadora da feira. 

Em seu discurso para uma plateia de aproximadamente 250 pessoas, formada em sua maioria por autoridades federais, estaduais e municipais, além de representantes das 135 entidades ligadas à construção civil, que apoiam o evento, Mamede destacou a importância da construção civil para a economia do Pais. “Todos os setores da economia demandam produtos da construção. Em razão disso, o setor é um dos principais componentes do investimento do país. Além disso, estudos da LCA Consultoria e do IBGE apontam que para cada R$ 1,00 aplicado na construção, são gerados R$ 1,88 na economia como um todo, bem como a cada R$ 1 milhão produzidos na construção gera 70 empregos na economia”, afirmou. 

Fora esses dados, o presidente da Sobratema lembrou ainda que o setor da construção civil é o quarto maior gerador de empregos do País, tendo alcançado em 2010 a marca de 11,3 milhões de pessoal ocupado na cadeia da construção. 

Julio Semeghini, secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, participou da solenidade de abertura, enfatizando os investimentos no setor e a importância de eventos como a Construction Expo 2013. “Este ano os investimentos em obras nas áreas de transporte, logística, hidrovias, aeroportos, saneamento e habitação, entre outros, estão orçados em R$ 80 bilhões; somente no Estado de São Paulo elas somam R$ 24 bilhões. O Estado tem ainda o compromisso de atingir 100% o saneamento de água e esgoto até 2017. Daí a importância de um evento como a Construction 2013 para apontar os caminhos que o governo deverá avançar”, afirmou. 

Já para o presidente da Sobratema, o papel da entidade é o de propor caminhos e soluções para o desenvolvimento tecnológico do setor, difundir conhecimentos e informações do mercado e participar da formação, especialização e atualização de profissionais que atuam nas áreas da construção e mineração, ganha ainda mais relevância. “Acreditamos e nos dedicamos firmemente ao desenvolvimento tecnológico do setor da construção e da mineração, como forma de fortalecer a engenharia nacional. E a Construction Expo está inserida neste contexto, com uma proposta clara de “Integração”, tendo como formato expositivo a horizontalidade, ou seja, abrangendo todos os segmentos e com uma periodicidade trienal”, concluiu Mamede. 

A Construction Expo 2013 acontecerá até o próximo sábado, dia 8, no Centro de Exposições Imigrantes. Paralelamente, está sendo promovido o Construction Congresso – Edificações e Obras de Infraestrutura, constituído por 31 seminários e um curso, proferidos por especialistas ligados às áreas que compõem toda a cadeia da construção e reúne diversos especialistas.

Fonte: www.constructionexpo.com.br