Centrais de concreto RCO registram alta produtividade

No Comperj, a central de concreto RCO, projetada para produzir nominalmente 80 m3/h, atingiu a marca de 88 m3/h.

“As centrais dosadoras de concreto RCO, modelos CDR 80 e CDR 40, vêm registrando altos índices de produtividade, que vão além das respectivas especificações nominais, segundo a empresa fabricante. Elas são projetadas visando robustez e qualidade técnica com o uso de materiais com qualidade e durabilidade. 

Na obra da nova fábrica da Votorantim em Rio Branco do Sul (PR), a RCO instalou a central dosadora CDR 40. Com um índice nominal de produção de concreto em 40 m3/h, técnicos da RCO e operadores do equipamento registraram uma produtividade além do esperado. Conforme aferição, a CDR 40 vem produzindo, em um período de uma hora, 7 cargas de 8 m3 de concreto, o que equivale a 56 m3/h, o que implica produção 40% maior do que o índice nominal do equipamento. Além disso, a central opera sem interrupção, registrando situações de trabalho contínuo de 18 dias e noites sem apresentar paradas. 

Em outro canteiro de obras, o do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), a central de concreto do modelo CDR 80 opera desde agosto de 2012. Projetada para produzir nominalmente 80 m3/h de concreto, operadores do equipamento em campo notaram que nos primeiros dias de operação a central já atingiu a marca de 11 cargas de 8 m3/h, totalizando 88 m3/h. A empresa destaca que os índices de produtividade atingidos “não prejudicaram em nenhum momento a qualidade do traço”.”

Fonte: Revista O Empreiteiro

Central Dosadora CDR 80 em operação no COMPERJ

Central Dosadora CDR 80 RCO: alta produtividade alinhada à grandiosidade das obras no COMPERJ.

A Central Dosadora CDR 80 é um equipamento que possui um grande diferencial: a alta produtividade. Projetada para produzir 80 m³ de concreto por hora, este índice pode aumentar dependendo do traço do concreto a ser processado. Indicada também para altas demandas de concreto, esta solução é geralmente direcionada para grandes obras e empreendimentos civis.

Dentro do empreendimento do COMPERJ – Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro – a Central Dosadora CDR 80 atende satisfatoriamente a necessidade e a grandiosidade da obra na demanda por concreto. O complexo, localizado na região de Cachoeiras do Macacu, no município de Itaboraí, no estado do Rio de Janeiro, teve a obra iniciada em 2008 pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Com previsão de conclusão em 2014, ocupa uma área de 45 milhões de metros quadrados. Em processo de obra e já em operação, o complexo gerará 200 mil empregos diretos, indiretos e por “efeito-renda”. O COMPERJ, por decisão da Petrobrás, terá sua capacidade ampliada para 165 mil barris/dia de óleo pesado nacional (1ª unidade de refino) com uma 2ª unidade de refino com a mesma capacidade (165 mil barris/dia de petróleo) para três ou quatro anos após a entrada em operação.

A Central Dosadora CDR 80 já está em operação no COMPERJ através da Engemix, cliente RCO. Um, entre outros atributos do equipamento em funcionamento identificado pelos técnicos da obra, é a grande funcionalidade e alta produtividade, sem perder, obviamente, a precisão do material dosado.

Projeção virtual da COMPERJ: 200 mil empregos e ampliação  produtiva em 165 mil barris diários.

Conheça mais sobre a Central CDR 80.

Conheça mais sobre o COMPERJ.