UHE Teles Pires com soluções em armazenamento RCO

Canteiro da UHE Teles Pires em janeiro de 2012: 1.820 megawatts de energia para abastecer 2,7 milhões de famílias. Fonte: Flickr – minplanpac

A Hidrelétrica de Teles Pires, em seu canteiros de obras, inicia a utilização de soluções RCO em armazenamento. Para esta obra, foram montados 5 silos aparafusados com 1.000 toneladas de capacidade e outros 6 silos soldados com 150 toneladas de capacidade cada equipamento, totalizando assim 5.900 toneladas de cimento armazenados em silos RCO.

Todo esse volume armazenado de cimento garante à obra uma segurança quanto ao seu andamento, pois, ao considerar o cimento como  um dos materiais fundamentais para a evolução da obra, é necessário que o mesmo esteja sempre disponível no canteiro. Leva-se também em consideração a localização da obra  e seu difícil acesso que contribuem para que haja uma quantidade considerável de cimento armazenado.

A Usina Hidrelétrica Teles Pires, sendo uma obra dentro do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento –  será construída no Rio Teles Pires, afluente do rio Tapajós, na fronteira dos estados do Pará e Mato Grosso, nos municípios de Jacareacanga (PA) e Paranaíta (MT). A UHE Teles Pires terá potência instalada de 1.820 megawatts, suficiente para abastecer uma população de 2,7 milhões de famílias.

Silos Soldados RCO com 150 toneladas em capacidade de armazenamento.

Silo Aparafusado RCO de 1.000 toneladas de capacidade em fase de montagem: a modularidade desta solução facilita da fábrica até a obra.

Com informações em Usina Hidrelétrica Teles Pires

>>>Consulte soluções em armazenagem RCO

SESC 24 de Maio, em São Paulo, recebe Silo RCO

O Serviço Social do Comércio – SESC – da unidade 24 de Maio em São Paulo, recebe silo RCO de 100 toneladas de capacidade com balança dosadora.

Todo o sistema, desenvolvido e fabricado pela RCO, consiste na armazenagem de cimento e, em um outro módulo inferior, dosar o material a ser aplicado na obra como um todo. A montagem e instalação do equipamento completo aconteceu recentemente e contou com bastante perícia e planejamento da equipe técnica, pois o espaço para movimentação das estruturas e peças era pouco, além de estar localizado em área de grande movimentação de pedestres. Obviamente, pelo porte de toda estrutura para a montagem, a ação chamou a atenção dos transeuntes e das pessoas dos prédios vizinhos.

A então considera super-unidade do SESC 24 de Maio, localizado na Rua 24 de Maio, no centro da cidade de São Paulo, está fechada para reformas desde fevereiro de 2009. As obras, assumidas pela construtora Mendes Junior, visam a criação de um centro cultural e desportivo moderno e funcional  e contribuirá para a revitalização do centro histórico da cidade de São Paulo. A obra total tem uma área construída de 27.905 m², distribuída em 12 andares, três subsolos e cobertura, com espaços de lazer e entretenimento, teatro, oficina, serviços odontológicos, restaurante, salas multiuso, biblioteca e  áreas para práticas esportivas. O projeto todo é considerado arrojado contando também com piscina panorâmica na cobertura do prédio. A unidade é destinada ao atendimento dos trabalhadores do comércio e serviços da região e também à comunidade paulistana em geral.

A previsão para entrega da obra é para o segundo semestre de 2012.

Processo de montagem do Silo RCO 100 toneladas com balança

Início da montagem do silo: processo exigiu perícia técnica e chamou atenção dos transeuntes.